Concurseiros ...

Ás vezes a vida vai passando e a gente passando por ela, algumas questões são logo respondidas outras nem tanto. A vida de concurseiro é cheia de perguntas e respostas, erros e acertos, desafios, quase uma metáfora da complexa vida real...há momentos em que sentimos que não evoluímos...que paralisamos em determinadas matérias, revemos nossos resumos, analisamos nossa estratégia e por fim encontramos meios e caminhos novos que poderão ser utilizados. Ás vezes nós não entendemos a pergunta simplesmente porque não estamos prontos maduros para ela, é como se estivéssemos tendo contanto com uma língua que não dominamos, não faz sentido...porque não estamos prontos. Noutras vezes evoluímos tanto em determinados assuntos que aquela pegadinha numa mais te pega. Certos assuntos também podem ficar com um certo sabor de arroz e feijão....e se isso não é bom, também não é ruim pois você sabe que gosto tem....mas nunca vai parar de comer porque é básico e precisa disso para a construção do seu algo maior.

A maioria dos concurseiros sérios que conheço, achavam que iam gastar um ano de suas vidas estudando, que no máximo em 2 estariam onde queriam chegar, mas o tempo vai passando e a gente vai amadurecendo e vai percebendo que naquele primeiro ano você nem sabia estudar e ainda usava o material errado, no segundo ano começou a pegar o jeito da coisa e começou a classificar... Eu conheço alguns concurseiros que levaram muito a sério o seu propósito e que chegaram a gastar dez anos para atingir o objetivo. Com esses concurseiros eu aprendi que eles acreditaram muito em si mesmos por longos dez anos, mesmo quando a maioria das pessoas a sua volta diariamente não acreditava mais neles...Com esses concurseiros eu aprendi que o tempo não importa, que o tempo é uma viagem e que as viagens devem ser curtidas em todas as suas etapas, que não existe tempo perdido para se transformar em realidade aquilo que não é só um sonho.

Com a vida de concurseiro eu nunca mais achei que eu estava perdendo nada... eu nunca mais chorei sábado à noite porque não ia para a balada... aquele churrasco do domingo que todo mundo passou o dia bebendo e comendo, eu não perdi, aquele jantar chiquérrimo na família eu não perdi, aquele sábado à tarde no shopping com o cartão de crédito eu não perdi. Eu ganhei auto estima... sem regime eu emagreci, pois eu aprendi a me alimentar direito, a dormir direito, a beber quando eu quero e não quando os outros querem. Eu aprendi a dizer não para o que não me faz bem. Eu aprendi que sou maior do que o que eu tenho ou do que eu pareço ser, eu aprendi a conhecer a essência e não só a aparência. Eu já era adulto por fora, mas foi por dentro que eu cresci.

Aprendi que o barulho do pacote de bolacha do concorrente ao lado não vai me desconcentrar na hora da prova, nem o trânsito da rua infernal onde moro, nem o carro de som que passa agora, nem a sogra com mais uma demanda, nem o vizinho, nem minha mãe e suas cobranças, nem a gripe, o cansaço. Aprendi que não há desculpa, que para todo o problema existe pelo menos 5 possíveis alternativas e que eu ainda vou escolher a mais certa.

Eu aprendi que filho não impede ninguém de estudar...você é que se impede. Que filho não vai te atrapalhar...você é que se atrapalha. Que filho não toma o seu tempo...você é que não tira tempo para seu filho. Que filho é na verdade uma grande vantagem e um grande privilégio para um concurseiro pois você tem um trilhão a mais de motivos para querer estudar e passar....e quem não tem filho, nem sabe como é motivador e não vai ter ninguém tão próximo como você tem para comemorar e usufruir com você da sua vitória.

Que se por um lado a vida de concurseiro é cheia de perguntas na maioria das vezes sem respostas ela também é uma vida cheia de escolhas e possibilidades e que a partir do momento que você faz sua inscrição ou marca o seu cartão de respostas você está exercendo o seu o poder da escolha que hoje é quase um privilégio se permitir escolher num mundo cheio de coisas prontas e formatadas, iguais para todo mundo.

A vida de concurseiro de verdade é longa e disciplinada, começa com o básico, como uma sala cheia de um cursinho num primeiro dia de aula: lotada, mas conforme as semanas e os meses vão passando, a sala vai esvaziando, e nos últimos meses e nas sextas feiras à noite você pode contar nos dedos os que persistiram e só quem está lá até o final sabe que esse ainda não é o final, que é apenas o começo.

A vida de concurseio é dura, mas permite muitas descobertas, matérias que você nunca estudou de repente começa a estudar e a gostar e matérias que você amou, de repente começa a se desencantar. Descobre dentro de si um mundo de possibilidades, com a persistência, o desafio pode aflorar o melhor de si mesmo que você nem mesmo conhecia, descobre a palavra disciplina não significa sacrifício e resignação mas que é sinônimo de persistência e determinação;

Você descobre uma força que nunca teve, descobre que pode viver muito bem, até sem dinheiro e rodeado de pessoas que realmente te querem bem. Descobre quem são seus amigos de verdade, descobre quem são seus parentes de verdade e descobre quem te ama de verdade. Descobre que por mais que a tecnologia evolua, que por mais que você seja um privilegiado materialmente com acesso a todos os materiais fantásticos seja ele em impresso, vídeo, mp3, mp3 ou mp1000...se você não estudar não vai adiantar.

Resumo da ópera - Hoje eu entendo mais calmamente porque muita gente se diz concurseiro...porque muita gente é concurseiro... e porque muita gente nunca deixa de ser concurseiro....

Cristal é a concurseira que conforme o tempo foi passando tudo ficando mais transparente.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.


4 Response to "Concurseiros ..."

  1. admin says:

    Olá, meu nome é Marcos, conheci o blog a pouco tempo e logo de cara, como todos os concurseiros, me identifiquei bastante com os textos, pois parece que você é que está escrevendo. Gostei muito desse post, você não precisa deixar de fazer tudo que gosta para se dedicar a concurso, mas é que se dedicar a concurso precisa se tornar uma coisa que você gosta e não mera obrigação. A pessoa que quer crescer na vida precisa está estudando, se dedicando durante toda uma vida, pois a vida é um eterno aprendizado. Se você quer muito uma coisa não pode desistir, as dificuldades sempre irão existir e você tem que ter coragem para superá-las, é preferível errar tentando a nunca ter tentado. Ao trabalho amigos! :)

    cristal says:

    Pessoal, ficou um erro de digitação na última linha do texto, leia-se: " mp3...mp4 ou mp1000". Obrigada, Cristal.

    Sergio says:

    Muito bom esse artigo. PARABÉNS!!!

    feit says:

    li sua matéria sobre o sono polifásico e já tentei várias vezes ele, conheço desde fevereiro e to me readaptando hoje e fazendo um registro no meu blog: 4feit.blogspot.com

    todo dia irei postar para mostrar pro pessoal como é a fase de adaptação, se quiser divulgar ficaria agradecido.

    Mário Seixas

powered by Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme | Blogger Templates | Low Interest Credit Cards