Desejos concurseiros

Época de passagem de ano é sempre a mesma coisa, festa, comilança, brindes de champanhe e, principalmente, resoluções e desejos para o novo ano que nasce. E concurseiros, claro, não precisam se privar disso tudo, afinal de contas, também precisamos de um pouco de festa para manter a motivação em alta.

O que diferencia um concurseiro de uma pessoa, digamos, normal nessa época são apenas duas coisas:

1 - Uma certa culpa por não estar estudando a todo vapor nessa época de festas misturada com alguma (talvez até muita) culpa por não ter estudado a todo vapor ao longo do ano que acaba;

2 - Enquanto as pessoas "normais" desejam para o ano novo saúde, paz, prosperidade e tal, concurseiros desejam apenas uma coisa, passar em concurso público e ser empossado.

Pois bem, como já foi dito na letra de um dos maiores sucessos da banda Eurythmics (sucesso nos anos 80):

Sweet Dreams (are Made Of This)

Doces Sonhos (São Feitos Disso)



Sweet dreams are made of thisDoces sonhos são feitos disso,
Who am i to disagree? Quem sou eu para discordar?
I traveled the world and the seven seas Eu viajo pelo mundo e pelos sete mares,
Everybody's looking for something Todo mundo está procurando alguma coisa...
Some of them want to use you Alguns deles querem te usar,
Some of them want to get used by you Alguns deles querem ser usados por você.
Some of them want to abuse you Alguns deles querem abusar de você,
Some of them want to be abused Alguns deles querem ser abusados...


Sweet dreams are made of thisDoces sonhos são feitos disso,
Who am i to disagree? Quem sou eu para discordar?
I traveled the world and the seven seas Eu viajo pelo mundo e pelos sete mares,
Everybody's looking for something Todo mundo está procurando alguma coisa...
Some of them want to use you Alguns deles querem te usar,
Some of them want to get used by you Alguns deles querem ser usados por você.
Some of them want to abuse you Alguns deles querem abusar de você,
Some of them want to be abused Alguns deles querem ser abusados...


I wanna use you and abuse youEu quero usar você e abusar de você
I wanna know what's inside you Eu quero saber o que está dentro de você
(whispering) hold your head up, movin' on Conserve sua cabeça erguida, seguindo em frente,
Keep your head up, movin' on Mantenha sua cabeça erguida, seguindo em frente,
Hold your head up, movin' on Conserve sua cabeça erguida, seguindo em frente,
Keep your head up, movin' on Mantenha sua cabeça erguida, seguindo em frente
Hold your head up, movin' on Conserve sua cabeça erguida, seguindo em frente,
Keep your head up, movin' on Mantenha sua cabeça erguida, seguindo em frente
Movin' on! seguindo em frente!


Sweet dreams are made of thisDoces sonhos são feitos disso,
Who am i to disagree? Quem sou eu para discordar?
I traveled the world and the seven seas Eu viajo pelo mundo e pelos sete mares,
Everybody's looking for something Todo mundo está procurando alguma coisa...
Some of them want to use you Alguns deles querem te usar,
Some of them want to get used by you Alguns deles querem ser usados por você.
Some of them want to abuse you Alguns deles querem abusar de você,
Some of them want to be abused Alguns deles querem ser abusados...


I'm gonna use you and abuse youEu vou usar você e abusar de você
I'm gonna know what's inside Eu vou saber o que está dentro
Gonna use you and abuse you Vou usar você e abusar de você
I'm gonna know what's inside you Eu vou saber o que está dentro de você

Se concursos públicos fossem uma pessoa, elas não nos diriam exatamente isso:

Eu quero usar você e abusar de você
Eu quero saber o que está dentro de você
Conserve sua cabeça erguida, seguindo em frente,

Ou seja, se queremos que nosso desejo de posse em cargo público seja realizado, devemos resistir aos usos e abusos a que somos submetido pelo "estudar para concursos públicos" e tudo o que isso representa, devemos mostrar e provar o que temos dentro de nós, força e determinação, devemos conservar nossa cabeça e sempre seguir em frente, pois a vitória, a posse, é daqueles que lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam, lutam, caem, levantam,...

Resumo da ópera - Se você quer que seu sonho de posse em cargo público se realize em 2010, então é melhor ter em mente tudo isso que escrevi hoje nesse artigo. Boa passagem de ano para todos e nos encontramos novamente amanhã aqui no blog, com um videocast especial de ano novo, para começar o ano com o pé direito.

Charles Dias é o Concurseiro Solitário.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.


Concurseiro que é concurseiro ...

Concurseiro que é concurseiro:

1. Separa o edital em itens para facilitar os estudos;

Verdade! Fazer isso realmente facilita os estudos, e como!

2. Risca no edital os itens que estudou;

Verdade também! Sem controle o concurseiro tá ferrado.

3. Não estuda por apostilas e as odeia;

Exceto quando são apostilas do Ponto dos Concursos, daí a história é outra.

4. Faz resumos, desenhos mnemônicos;

Resumos eu faço muito, já esses tais desenhos não são minha praia, não.

5. Às vezes se desespera e chora escondido;

Claro que às vezes me desespero ... agora, chorar escodindo não rola, meus cabelos brancos denunciam que sou da época em que "meninos não choram", hahaha.

6. Não bebe sexta porque sábado tem que estudar;

Verdade! Beber é garantia de um dia seguinte de estudo sofrível.

7. Não bebe sábado porque domingo tem que estudar;

Verdade também!

8. Domingo bebe pouco porque segunda tem que estudar;

Podem me charmar de concurseiro xiita, mas não bebo nem domingo ... na verdade sempre fui muito ruim de copo mesmo, então para mim não é sacrifício não beber.

9. Briga com a (o) namorada porque ela quer sair e você precisa estudar;

Obrigado, Deus, por ter me dado uma namorada 99% compreensiva em relação a isso ... mas rola um stress ocasional por conta do 1% restante.

10. Quando sai em horário de estudo fica pensando que deveria estar estudando porque um monte de gente esta;

Putz, nem me falem disso ... é um sofrimento, uma tortura!

11. Fica lembrando dos artigos da Constituição, mesmo na mesa de bar, pra ver se não esqueceu;

E no banheiro, e embaixo do chuveiro, e durante o almoço de domingo, ...

12. A coluna dói;

Putz, haja Gelou e Beserol ...

13. Os olhos doem;

Compressa de soro fisiológico bem gelado ajuda nesse caso.

14. A cabeça dói;

Daí já não sei se no meu caso é de estudar, do cansaço dos olhos, da minha sinusite, ... , na dúvida dá-lhe Coristina.

15. Sonha com a posse e pra quem vai ligar contando;

E como sonho!

16. Tem umas cinco pessoas na lista que não gostaria de saber que você passou;

Cinco? Heheheh ... um pouco mais que isso.

17. Você não vê a hora de contar para elas;

Não vejo mesmo ... anseio pelo doce momento!

18. Liga para um amigo concursando e desabafa porque só ele te entende;

Verdade! Concurseiros somente são compreendidos por outros concurseiros ... fato.

19. Sua família acha que você estuda demais;

Muito pelo contrário!

20. Sua família cobra demais;

Concluí faz tempo que isso se tornou um esporte para eles.

21. Sua família acha que é fácil passar;

E, consequentemente, que sou meio retardado por não ter passado com apenas seis meses de estudo.

22. As pessoas vivem perguntando se você já passou;

Concluí faz tempo que isso se tornou um esporte para elas ... graças a Deus agora posso dizer que já.

23. Fica nervoso ao ler o edital pela primeira vez;

Ficava ... há muito tempo atrás ...

24. Odeia quando tem matemática, raciocínio lógico e atualidades;

Que nada, adoro, sou bom nessas matérias, para mim é vantagem!

25. Come muito;

Meu sobrepeso que o diga ... tô ferrado para pagar e suar cântaros numa boa academia quando for empossado ... mas pelo menos será na companhia de uma personal trainer muito gata ... posso me dar ao luxo depois de tanta ralação, não?!

26. Ouve as histórias de viagens dos amigos e finge que ta feliz por ele;

De viagens, de compras, de festas, de divertimentos, de tudo.

27. Economiza pra pagar livros, inscrições e viagens para prova;

Verdade, verdadeira.

28. Sempre está sem dinheiro;

Putz, nem me falem disso, não me deprimam ainda mais!

29. Sonha com o primeiro salário;

E com o segundo, com o terceiro, com o quarto, ...

30. Não fica mais nervoso nas provas de tanto fazê-las;

Outra grande verdade!

31. O que você mais estuda é o que menos cai;

Lei de Murphy aplicada a concursos públicos.

32. Depois de fazer a prova se sente aliviado e precisa tomar umas;

Para mim isso só farei depois de ser empossado ... com toda certeza ... antes, não.

33. Não chora mais com a reprovação;

Mas de vez em quando ainda sinto aquele nó na garganta, sinto, sim, não tenho vergonha de confessar isso.

34. Não tem inveja, mas não fica feliz quando os outros passam...porque você também queria passar;

Queria, não, quero ... e também não tenho vergonha de confessar ter sentido algumas vezes um pouco de "inveja branca".

35. No dia seguinte da prova já começa a estudar outro edital.

E tem como fazer diferente?!

Resumo da ópera - Encontrei esse manifesto muito interessante e divertido por acaso em uma de minhas "surfadas concurseiras" pela Internet (encontrei aqui, http://blogdowinny.blogspot.com/2009/05/concurseiro-que-e-concurseiro.html)e resolvi republicar aqui no blog com comentários pessoais. Não havia indicação de autoria, mas o autor está de parabéns, muito bom o manifesto, muito verdadeiros os itens.

Charles Dias é o Concurseiro Solitário.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»———

I M P O R T A N T E

1- Muitos de vocês devem ter notado que o blog vem ficando fora do ar várias vezes ao dia desde a véspera do natal. A culpa não é nossa, mas do Blogger, o servidor gratuíto de blogs onde está hospedado o Concurseiro Solitário. Segundo comunicado recente do Blogger, tal vem acontecendo por conta de uma migração de servidores, mas que logo estará definitivamente resolvido.

2 - Ainda dá para enviar a pergunta que você faria para o William Douglas, o guru dos concurseiros, se fosse entrevistá-lo e concorrer a um belo livro de estudo para concursos públicos, que será enviado gratuitamente ao autor da melhor pergunta. Não deixe de participar, envie sua pergunta por email para concurseirosolitario@gmail.com

3 - Ainda tenho três livros para venda, gente. Um ótimo de Economia, especialmente interessante para quem vai prestar o concurso do Bacen para Analista de qualquer das áreas, outro excelente de Interpretação de Textos e um de contabilidade. Dêem uma olhadinha no final desse post.


———«»———«»———«»———

Frase do dia


“Sucesso é uma questão de não desistir, e fracasso é uma questão de desistir cedo demais.”

Walter Burke

———«»———«»———«»———

———«»———«»———«»———

ESTÃO ACABANDO!

Amigos concurseiros, essa é a lista dos últimos livros que tenho em duplicata para vender. Todos excelentes títulos que podem, tranquilamente, serem usados para estudar para vários concursos públicos. Se você estiver interessado em comprar algum deles, por favor me envie um email para concurseirosolitario@gmail.com

MANUAL DE CONTABILIDADE DAS SOCIEDADES POR AÇÕES (APLICÁVEL ÀS DEMAIS SOCIEDADES) - Sérgio Iudicibus, Eliseu Martins e Ernesto Gelbcke - Editora Atlas / FIPECAFI - 6a Edição - Usado em excelente estado - Vendo por R$80 com frete grátis (novo custa R$148 + frete)

INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS PARA CONCURSOS - Teoria e 800 questões - Renato Aquino- Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$75 com frete grátis (Novo custa R$82 + frete)

ECONOMIA PARA CONCURSOS – Marlos Vargas Ferreira - Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$40 com frete grátis (Novo custa R$52 + frete)

Uma solução 100%

Uma dúvida recorrente em emails enviados por leitores do blog ou postados no shoutbox gira em torno do já clássico "melhor passar em concurso público de ensino médio, depois fazer faculdade e só então, após formado, prestar concursos de nível superior, ou então deixar para prestar concursos somente após a faculdade?".

Esse tipo de dúvida é muito pessoal e não tem uma resposta absoluta, já que para alguns a primeira opção é a melhor, enquanto para outros a segunda é a melhor. Portanto, hoje, darei minha opinião estritamente pessoal sobre o assunto, direi o que aconselharia àquele eu do passado a fazer.

Em 1990 terminei o antigo 3o colegial, último ano do ensino médio de então, e fui fazer cursinho pré-vestibular tendo como meta ingressar no curso de Economia da USP. Como sempre estudei em escola pública, não tinha então bagagem de conhecimento para poder enfrentar com sucesso o vestibular da temida Fuvest. Foram dois anos de cursinho estudando feito um condenado até conseguir conquistar minha vaga. Em Fevereiro de 2003 lá estava eu na USP começando meu tão desejado e batalhado curso de Economia. Como meus pais não eram ricos, nem bem de vida na época para falar a verdade, até 1997 tive de me virar com a grana curta, não podia comprar todos os livros que precisava na faculdade, morei na moradia estudantil da universidade, ou seja, foram anos duros, mesmo ganhando uma graninha fazendo estágio. Somente depois que entrei no primeiro programa de trainee e passei a ganhar um salário mais decente, as coisas melhoraram, pude então comprar meus livros, fazer alguns cursos extras, ter uma vida um pouco mais confortável, menor apertada.

Se esse aperto nos primeiros anos de faculdade me afetaram? Sim, afetaram. Por conta disso demorei um ano a mais para me formar e quase tranquei a faculdade em 1996. Podem acreditar, não foi fácil.

Se pudesse voltar ao passado e encontrar aquele eu que acabava de entrar na faculdade em 1993 lhe diria o seguinte. "Amigão, agora que você já garantiu sua vaga na faculdade que queria, chegou a hora de evitar passar o aperto que passei. Preste um concurso público de nível médio para garantir uma graninha mensal, aproveitando que você faz curso noturno. Esqueça essa coisa de ficar se matando em estágios para ganhar uma mixaria!"

Acredito, pessoalmente, que a melhor estratégia hoje seja essa, de primeiro garantir uma vaga numa boa faculdade pública em um curso noturno, então aproveitar que geralmente o primeiro ano de faculdade é bem tranquilo e estudar muito para garantir a posse em um concurso público de nível médio com remuneração que permita que você possa fazer a faculdade com mais tranquilidade, que possa comprar os livros necessários, fazer alguns cursos extracurriculares, participar de congressos, palestras pagas e por aí vai.

Claro que estando a vaga na faculade garantida e o cargo público de nível médio conquistado, deve-se continuar estudando para se estar pronto para prestar concursos públicos de nível superior assim que se formar, estudar matérias básicas como Direito Administrativo, Direito Constitucional, Português e Raciocínio Lógico e Matemático. Imagine o concurseiro que se forma já com essas quatro matérias na ponta da língua por tê-las estudado dois, três anos a fio. Putz, não tem quem o segura de passar nos melhores concursos de nível superior do país em no máximo dois anos depois.

Resumo da ópera - Se você ainda não entrou na faculdade ou está no primeiro ou segundo ano da danada, analise com cuidado essa receita que passei no artigo de hoje, é interessante, muito interessante, garanto. Agora, se você já está formado há anos como eu, bem, para nós cabe lamentarmos não termos feito o que hoje sei que deveria fazer naquela época ... lamentar por um minuto e bola pra frente que o que importa é o que ainda está por vir.

Charles Dias é o Concurseiro Solitário.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»———

I M P O R T A N T E

1- Muitos de vocês devem ter notado que o blog vem ficando fora do ar várias vezes ao dia desde a véspera do natal. A culpa não é nossa, mas do Blogger, o servidor gratuíto de blogs onde está hospedado o Concurseiro Solitário. Segundo comunicado recente do Blogger, tal vem acontecendo por conta de uma migração de servidores, mas que logo estará definitivamente resolvido.

2 - Ainda dá para enviar a pergunta que você faria para o William Douglas, o guru dos concurseiros, se fosse entrevistá-lo e concorrer a um belo livro de estudo para concursos públicos, que será enviado gratuitamente ao autor da melhor pergunta. Não deixe de participar, envie sua pergunta por email para concurseirosolitario@gmail.com

3 - Ainda tenho três livros para venda, gente. Um ótimo de Economia, especialmente interessante para quem vai prestar o concurso do Bacen para Analista de qualquer das áreas, outro excelente de Interpretação de Textos e um de contabilidade. Dêem uma olhadinha no final desse post.


———«»———«»———«»———

Frase do dia


“O único homem que não erra é aquele que nunca faz nada.”

Franklin Delano Roosevelt

———«»———«»———«»———

———«»———«»———«»———

ESTÃO ACABANDO!

Amigos concurseiros, essa é a lista dos últimos livros que tenho em duplicata para vender. Todos excelentes títulos que podem, tranquilamente, serem usados para estudar para vários concursos públicos. Se você estiver interessado em comprar algum deles, por favor me envie um email para concurseirosolitario@gmail.com

MANUAL DE CONTABILIDADE DAS SOCIEDADES POR AÇÕES (APLICÁVEL ÀS DEMAIS SOCIEDADES) - Sérgio Iudicibus, Eliseu Martins e Ernesto Gelbcke - Editora Atlas / FIPECAFI - 6a Edição - Usado em excelente estado - Vendo por R$80 com frete grátis (novo custa R$148 + frete)

INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS PARA CONCURSOS - Teoria e 800 questões - Renato Aquino- Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$75 com frete grátis (Novo custa R$82 + frete)

ECONOMIA PARA CONCURSOS – Marlos Vargas Ferreira - Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$40 com frete grátis (Novo custa R$52 + frete)




Estudar sério VERSUS horas diárias de estudos

Não faz muito tempo recebi o email de uma menina que atualmente cursava essa no, se não me engano, o penúltimo ano da faculdade de química e que tem muito interesse em se tornar servidora pública no seu ramo de formação, ou seja, ela quer ser uma química servidora pública (sim, existem químicos servidores públicos em laboratórios públicos, na vigilância sanitária, em vários órgãos e entidades públicos), o problema é que ela tem praticamente todo o tempo tomado pela faculdade e pelos compromissos da iniciação científica, o que a deixa preocupada de não poder estudar sério para concursos públicos.

Como diria nosso bom amigo Jack, o estripador, vamos por partes. Temos uma concurseira que ainda demorará pelo menos um ano para se formar e então poder prestar concursos públicos, visto que ela quer ser servidora pública em sua área de formação. Temos também que essa concurseira tem muito pouco tempo livre durante a semana. E, finalmente, temos que ela está preocupada em não poder estudar seriamente para os concursos que irá prestar por conta de não ter muito tempo livre para isso.

Hummmm. Fica claro que essa concurseira tem um projeto de longo prazo para passar em concursos públicos, mas está começando bem por conta de já estar estudando mais de um ano de antecedência. Lógico que ela deverá estudar baseando-se em editais para concursos para o cargo de química que aconteceram em 2009, assim terá uma base de que matérias fora aquelas que já faz parte de sua grade curricular acadêmica costumam ser cobradas, ou seja, os clássicos português, Direito Administrativo, Direito Constitucional e por aí vai. Logo, ela deverá estudar no tempo livro essas matérias.

Muitos concurseiros confundem o "estudar sério" com o "estudar muitas horas por dia", o que é um enorme engano. Uma coisa não em nada a ver com a outra. Um concurseiro pode estudar sério estudando uma ou duas horas por dia durante a semana, enquanto outro concurseiro pode estudar superficialmente (algo nada sério) durante oito horas por dia todos os dias. Na verdade conheço vários concurseiros de ambos os tipos, os primeiros são, sim, fortes concorrentes nos concursos públicos que prestam, já os segundos, bem, não passam de buchas de canhão.

Para essa concurseira e outros concurseiros que trabalham ou fazem faculdade durante a semana e, portanto, têm apenas algumas horas livres para poderem estudar para concursos públicos, digo que se essas horas forem dedicadas ao estudo planejado com disciplina e determinação, estão estarão, sim, estudando sério. O que no final importa não é, simplesmente, número de horas estudadas, mas, sim, o número de horas estudadas COM QUALIDADE. É a mesma coisa que ler um texto, do que adianta alguém ler um texto de 200 páginas em uma hora sendo que captou apenas 10% do conteúdo, enquanto outra pessoa leu apenas 50 páginas do mesmo texto, porém captou 90% do conteúdo? No final das contas o primeiro terá captado efetivamente apenas 20 páginas enquanto o segundo terá captado efetivamente 45 páginas!

Resumo da ópera - Se você tem poucas horas diárias para estudar, use-as para estudar de forma planejada, seja disciplinado nessas horas de estudo e tenha determinação para fazer esse estudo sério. Não caia nessa falsa crença de que o vale são horas e horas de estudo, pois o que realmente importa é a qualidade do estudo, apenas isso.

Charles Dias é o Concurseiro Solitário.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»———
ATENÇÃO, se você ainda não assistiu ao meu terceiro videocast, no qual falo do assunto "Quando é melhor começar a estudar?", clique aqui.
———«»———«»———«»———

———«»———«»———«»———


Mensagem de Natal da Raquel Monteiro


Caro concurseiro, você que não deixa de nos acompanhar nem mesmo durante as festas de fim de ano, não pode desanimar. Até mesmo os melhores concurseiros tiveram seus momentos difíceis. Vence quem continua lutando! Por isso, veja a mensagem que eu deixei para você no meu segundo videocast!

Raquel Monteiro é uma legítima concurseira carioca.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»———


Então é Natal!

Ao iniciar esse artigo pensava e refletia no que escrever. Fazer uma retrospectiva de como foi o meu ano concurseiro? Dar ênfase naquilo que aprendi a fazer e não fazer durante uma prova? Dizer sobre os concursos que se abrirão em 2010 exterminando aquele mito de que em ano eleitoral não tem concurso? Não.

Simplesmente uso a oportunidade para agradecer.

Agradecer aos fiéis leitores, os quais muitos sempre nos brindaram com sugestões de artigos ou em dúvidas que nos traziam surgiam assuntos para escrevermos. Não se enganem: o blog existe por vocês e para vocês.

Agradecer a oportunidade de poder participar de algo que senti falta quando comecei, por não ter tido essa ajuda inicial o qual é de suma importância no mundo concurseiro.

Agradecer o privilégio de ter podido viver mais um ano com saúde, cheio de esperanças, de vitórias, mas de derrotas também, importantíssimas para nos ensinar a levantar e aprendermos com os erros que cometemos para não mais reiterá-los.

E dizer àqueles bravos guerreiros que estão lutando sem parar em razão de terem concursos abertos para fazerem logo no começo deste novo ano que renova as esperanças que não desanimem.

Não se vejam, como eu já me vi várias vezes, como “o tonto que só estuda e perde tempo enquanto que o vizinho sai com a namorada dentro de um carro de luxo e vai viajar”. Cada um tem a sua vida, a sua história, o seu momento. Se ainda não chegou, não se desespere. As coisas acontecem no exato tempo em que devam se realizar. Fique firme e mantenha a esperança e a motivação em alta. Isso sim fará a diferença na hora da prova.

Resumo da ópera - Quero desejar a todos deste blog, tanto aos queridos leitores que são a razão deste canal existir, quanto ao Charles e à Raquel, um Feliz Natal, repleto de amor, paz, união e muitas alegrias e da mesma forma que venha 2010, cheio de novas esperanças e que este ano vindouro seja o seu ano, o ano da sua tão sonhada conquista, o ano que marcará a sua vida! É o que desejo de coração!

Jerry Lima, um Concurseiro Profissional.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»———


Feliz natal, sim, e por que não seria?


Nessa época de natal muitos concurseiros sentem-se meio mal porque ainda não venceram na guerra dos concursos públicos, não foram presenteados com a tão desejada posse, enfim, porque ainda não foram libertos dos tormentos de estudar para concursos públicos sem sabem quando a vitória será alcançada.

Só que não há motivo para vocês sentirem-se mal, não há mesmo. Pensem comigo. Hoje vocês estão muito mais preparados para enfrentar concursos públicos do que estavam no natal do ano passado, logo, a estão também muito mais próximos da vitória nessa guerra do que jamais estiveram. E isso não é bom? Se você está pensando em responder que não, pense que quem chegou numa corrida em duocentésima posição está mais perto do primeiro lugar do que quem chegou em milésima ... são "somente"oitocentas posições que separam esses dois competidores!

Se você está estudando de forma séria, planejada, disciplinada e comprometida, então a vitória é apenas uma questão de tempo ... sempre digo isso aqui no blog ... e se é apenas uma questão de tempo, por que se sentir mal? Não há razão para isso.

Resumo da ópera - Desejo a todos os concurseiros leitores desse blog um natal com muita paz, alegria e saúde. Acreditem em vocês mesmos que com certeza nos próximos natais, muito mais fartos que esse, vocês se lembrarão de como foram bôbos de se sentirem mal por ainda não terem passado em concurso quando a vitória já estava garantida, era apenas uma questão de tempo. Paciência, meus amigos, paciência.

Charles Dias é o Concurseiro Solitário.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

Videocast #3 - "Quando é melhor começar a estudar?"



Nesse episódio do videocast do Concurseiro Solitário, falei sobre um assunto que gera muitas dúvidas entre concurseiros em geral, sobre o "quando iniciar os estudos". Acredito que, basicamente, há três abordagens para o assunto:

Quando iniciar o estudo de um tópico de matéria - Nesse caso não considero produtivo iniciar os estudos sem que se vá finaliza-los no mesmos dia. Dei o exemplo de "Atos Administrativos", um tópico muito comum de Direito Administrativo em concursos públicos. Não é muito produtivo começar a estudar Atos Administrativos num dia para não esgota-lo no mesmo dia e somente retomá-lo dois ou três dias depois, quando já se esqueceu muita coisa do que se estudou no primeiro dia. Assim, se não for para esgotar um tópico de matéria num dia, melhor nem começar a estudá-lo naquele dia

Quando iniciar o estudo de uma matéria - Já com o estudo de uma matéria como um todo, já não se pode esperar que o concurseiro a esgote num só dia. Nesse caso deve-se planejar os estudos de forma cuidadosa para não recair na situação anterior. Além disso, o estudo de uma matéria também deve ser contínuo, de forma a não se ter intervalos muito longos entre os blocos de estudo, para evitar se perder a linha de raciocínio existente na matéria e indispensável ao estudo de qualidade.

Quando iniciar os estudos para determinado concurso - Começar a estudar para um concurso público não é algo que se faça da noite para dia apenas pegando um livro e começando a estudar, não, antes é preciso estudar com cuidado o edital e as matérias as serem estudadas, selecionar o melhor material de estudo, montar um planejamento para otimizar o tempo disponível para estudar e tudo o mais, ou seja, é preciso fazer o "dever de casa" antes de realmente pegar o livro e estudar sério. Sem esse planejamento inicial, a última coisa que o concurseiro terá será um estudo de qualidade e eficiente, algo que deve ser evitado a todo custo.

Resumo da ópera - Há vários pequenos sinais que indicam se um concurseiro é realmente sério ou se não está estudando lá com muita seriedade, não. Um desses sinais é exatamente esse tipo de pergunta, que deixa claro que mesmo que o concurseiro ainda não saiba exatamente como estudar da melhor forma possível, pelo menos ele está curioso quanto ao assunto e, principalmente, não tem medo de perguntar para quem tem mais experiência. Agora, se o concurseiro não está nem aí com questões desse tipo, com certeza não está preocupado em estudar seriamente para passar.

Charles Dias é o Concurseiro Solitário.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.
———«»———«»———«»———

———«»———«»———«»———

ESTÃO ACABANDO!

Amigos concurseiros, essa é a lista dos últimos livros que tenho em duplicata para vender. Todos excelentes títulos que podem, tranquilamente, serem usados para estudar para vários concursos públicos. Se você estiver interessado em comprar algum deles, por favor me envie um email para concurseirosolitario@gmail.com

MANUAL DE CONTABILIDADE DAS SOCIEDADES POR AÇÕES (APLICÁVEL ÀS DEMAIS SOCIEDADES) - Sérgio Iudicibus, Eliseu Martins e Ernesto Gelbcke - Editora Atlas / FIPECAFI - 6a Edição - Usado em excelente estado - Vendo por R$80 com frete grátis (novo custa R$148 + frete)

INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS PARA CONCURSOS - Teoria e 800 questões - Renato Aquino- Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$75 com frete grátis (Novo custa R$82 + frete)

ECONOMIA PARA CONCURSOS – Marlos Vargas Ferreira - Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$40 com frete grátis (Novo custa R$52 + frete)


Quando fazer-se de surdo é a única saída

E então chegou mesmo o natal e o reveillon, as bibliotecas públicas estão fechadas, a barulheira reina nas ruas e bairros, é gente com som alto, gente falando alto depois de algumas dúzias de latas de cerveja, enfim, o pior dos mundos para concurseiros sérios que querem manter, nem que seja um pouco reduzida, uma rotina de estudos.

Sei como é isso, afinal de contas também vinha estudando direto numa silenciosa biblioteca de faculdade de direito. Silêncio e ausência de incômodo absolutos ... agora que estão fora do meu alcance parecem muito mais importantes do que eu imaginava. Então, meus amigos, o que podemos fazer para lidar com isso?

Vou compartilhar com vocês, hoje, alguns velhos truques que usava ainda quando estudava para o vestibular, truques que apesar de velhos, continuam muito eficientes para quem tem de manter uma rotina de estudos como nós.

Basicamente são dois os principais problemas que enfrentamos nessa época e que comprometem fortemente nossos estudos, a saber o barulho e a falta de lugar adequado de estudo. É muito difícil, mas muito difícil mesmo, senão impossível, estudar em um lugar barulhento. Até que em lugar inadequado conseguimos estudar por algum tempo, mesmo com perda de qualidade de estudo. Então, como podemos dar um jeito nessas coisas.

BARULHO - A solução está na imagem que ilustra esses artigos e se chama "protetor auricular". São pequenas peças de silicone macio ou espuma, moldadas para serem inseridas no canal do ouvido de forma a impedir a entrada de ruídos. São de uso obrigatório em indústrias e locais de trabalho barulhentos em geral por conta de legislação trabalhista. E não é que essas coisinhas são mesmos eficientes em isolar o barulho! O melhor é que são baratos, um par de protetores de espuma custa por volta de R$1,00 e os de silicone o triplo. Eu, particularmente, prefiro os de espuma de ponta arredondada por serem mais confortáveis para mim, mas tem gente que prefere mesmo os de silicone. O "pulo do gato" desses protetores e saber como introduzi-los adequadamente no canal auditivo para obter máxima eficiência, para isso é preciso puxar a orelha ... se na embalagem do protetor que vc comprar não vier figuras explicativas, veja aqui como fazer. Usar esse tipo de artifício é ótimo para cancelar ruídos do ambiente, como gente falando sem parar, música e tal, ótimo para concurseiros que têm vizinhos e família barulhenta.

LOCAL DE ESTUDO - Estudar em um local adequado é de suma importância para o estudo de qualidade. Um ambiente arejado, bem iluminado, com uma boa cadeira e mesa nas alturas corretas para seu físico e tudo o mais propicia uma qualidade ambiental e física que propicia horas e horas de estudo com atenção e sem dores nas costas, nos olhos, de cabeça e por aí via. Mas como fazer quando seu local de estudo adequado é invadido por parentes que vieram visitar sua família nessa época de final de ano? Pois bem, o negócio é abrir mão dele se não houver outro jeito e procurar um local alternativo para estudar. Se em sua casa não existe esse local e você não pode contar com um quartinho na casa de amigos ou parentes, então é hora de procurar soluções externas. Bibliotecas estão fechadas nessa época, então estão fora de questão. Uma boa opção são as praças e parques públicos que não sejam muito barulhentos, pois lá é possível encontrar uma sobra agradável para deixá-lo menos encalorado enquanto estuda, se você tiver sorte encontrar até uma mesinha na sombra. Agora, se a chuva, por exemplo, tornar inviável a solução do parque, apele e procure um local público que oferece condições mínimas de estudo, rola até o banco do fundo de uma tranquila igreja, fique lá com seu livro estudando quieto, ninguém vai incomodá-lo.

Agora, é preciso ter bom senso quanto ao que estudar nessa época se você for vítima de barulho e falta temporária de local de estudo adequado. Não adianta querer mandar ver no estudo de estatística, por exemplo, que demanda uma mesa para fazer contas e tal, não, nada disso, prefira estudar matérias que requeiram apenas um livro ou um pacote de folhas de resumo. Nada de querer resumir nessa época, ou grifar tudo com canetinhas coloridas e tal, nada disso, leia somente e pronto. Leitura com atenção ainda é a melhor forma de estudo. Se você tiver algum dispositivo que permita assistir vídeo ou audio aulas (como um celular que rode vídeos ou MP3, um MP4, um netbook ou notebook, ...) aproveite para usá-los.

Resumo da ópera - Concurseiros sérios devem saber lidar com limitações nas condições de estudo de forma criativa e eficiente. Tudo bem que estudar em local inadequado ou sem tudo o que você costuma ter ao seu redor para auxiliar nos estudos não é nada bom e afeta o desempenho, mas é melhor estudar de forma não ótima do que não estudar porque "não posso usar minha luminária favorita", certo?

Charles Dias é o Concurseiro Solitário.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»——

Você ainda não enviou sua pergunta para o William Douglas
para poder concorrer a um excelente livro para reforçar seus estudos? Sério?


O que pergunta você faria para William Douglas, o guru dos concurseiros, se fosse entrevistá-lo?

O autor da melhor pergunta ganhará um prêmio surpresa muito legal do blog ... vou dar uma pista do que é, melhor, vou dizer ... um belo livro para estudar para concursos públicos novinho em folha com quase 1.200 páginas e que é o sonho de consumo de qualquer concurseiro sério

Envie sua pergunta para o email concurseirosolitario@gmail.com

———«»———«»———«»———

Frase do dia

“O otimista vê uma oportunidade em cada desastre o pessimista vê um desastre em cada oportunidade.”

Anônimo

———«»———«»———«»———

———«»———«»———«»———

ESTÃO ACABANDO!

Amigos concurseiros, essa é a lista dos últimos livros que tenho em duplicata para vender. Todos excelentes títulos que podem, tranquilamente, serem usados para estudar para vários concursos públicos. Se você estiver interessado em comprar algum deles, por favor me envie um email para concurseirosolitario@gmail.com

MANUAL DE CONTABILIDADE DAS SOCIEDADES POR AÇÕES (APLICÁVEL ÀS DEMAIS SOCIEDADES) - Sérgio Iudicibus, Eliseu Martins e Ernesto Gelbcke - Editora Atlas / FIPECAFI - 6a Edição - Usado em excelente estado - Vendo por R$80 com frete grátis (novo custa R$148 + frete)

INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS PARA CONCURSOS - Teoria e 800 questões - Renato Aquino- Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$75 com frete grátis (Novo custa R$82 + frete)

ECONOMIA PARA CONCURSOS – Marlos Vargas Ferreira - Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$40 com frete grátis (Novo custa R$52 + frete)


Um estranho no ninho

Época de natal e ano novo, juntamente com eventos festivos familiares e de amizade eventuais como festas de casamento ou aniversário, são motivo de horror para muitos concurseiros pelo simples fato de que obrigados a participar, esses bravos guerreiros dos concursos públicos não conseguem evitar notar os comentários em relação a sua opção por estudar em busca de um futuro melhor e dos sacrifícios que estudar sério faz necessários.

Como não podia deixar de ser, há comentários e comentários, formas e formas de fazerem esses comentários e, também, modos e modos do concurseiro lidar com eles. Vejamos.

Há os comentários que chamo de "comentários de estranhamento" que são aqueles em que as pessoas expressão seu estranhamento e surpresa quanto a sua opção por estudar sério por concursos públicos, geralmente são comentários inofensivos. Há os comentários jocosos, que são aqueles que fazem piada de sua opção, esses deixam o concurseiro mais irritado do que causam algum estranho. Finalmente, há os comentários críticos, aqueles feitos com a intenção de magoar e ferir o concurseiro, esses, sim, têm alto potenciar de causar danos a moral do concurseiro criticado.

Quanto aos modos de fazer comentários, há o modo velado, aquele sussurrado entre as pessoas, se brincar encarando o concurseiro enquanto isso, mas nunca diretamente para o concurseiro. Há também o modo indireto, quando comentam sobre uma terceira pessoa sendo que o alvo é o concurseiro presente. Há, finalmente, o comentário na cara do concurseiro, aquele franco e sem rodeios.

Quanto ao modo do concurseiro lidar com eles, bem, daí concurseiro sério lida com comentários de uma forma apenas, aproveita os bons e ignora o restante, simples assim.

Não adianta, gente, poucos são os concurseiros felizardos que têm sua escolha de estudar sério para concursos públicos e sacrificar muitas coisas em suas vidas facilmente e totalmente aceita por parentes e amigos. Geralmente essa escolha e, principalmente, os sacrifícios não são nada bem recebidos, visto que, estranhamente (e não me perguntem porque) muita gente os considera ofensas pessoais, vai entender.

Resumo da ópera - O negócio é o seguinte, amigos concurseiros. Se você não tem como evitar participar das festividades de final de ano com parentes e amigos, ou mesmo se você até pode evitar mas prefere participar, não dê bola para os comentários que fizerem sobre sua opção de estudar sério para concursos públicos. Saiba que as mesmas pessoas que comentam hoje sobre sua opção, serão as mesmas que admirarão sua posse em um belo cargo público!

Charles Dias é o Concurseiro Solitário.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»——

Você ainda não enviou sua pergunta para o William Douglas
para poder concorrer a um excelente livro para reforçar seus estudos? Sério?


O que pergunta você faria para William Douglas, o guru dos concurseiros, se fosse entrevistá-lo?

O autor da melhor pergunta ganhará um prêmio surpresa muito legal do blog ... vou dar uma pista do que é, melhor, vou dizer ... um belo livro para estudar para concursos públicos novinho em folha com quase 1.200 páginas e que é o sonho de consumo de qualquer concurseiro sério

Envie sua pergunta para o email concurseirosolitario@gmail.com

———«»———«»———«»———

Frase do dia

“Quem quer fazer encontra um jeito, quem não quer encontra uma desculpa."”

Anônimo

———«»———«»———«»———

———«»———«»———«»———

ESTÃO ACABANDO!

Amigos concurseiros, essa é a lista dos últimos livros que tenho em duplicata para vender. Todos excelentes títulos que podem, tranquilamente, serem usados para estudar para vários concursos públicos. Se você estiver interessado em comprar algum deles, por favor me envie um email para concurseirosolitario@gmail.com

MANUAL DE CONTABILIDADE DAS SOCIEDADES POR AÇÕES (APLICÁVEL ÀS DEMAIS SOCIEDADES) - Sérgio Iudicibus, Eliseu Martins e Ernesto Gelbcke - Editora Atlas / FIPECAFI - 6a Edição - Usado em excelente estado - Vendo por R$80 com frete grátis (novo custa R$148 + frete)

INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS PARA CONCURSOS - Teoria e 800 questões - Renato Aquino- Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$75 com frete grátis (Novo custa R$82 + frete)

ECONOMIA PARA CONCURSOS – Marlos Vargas Ferreira - Série Provas e Concursos da Editora Campus - Novinho, sem uso - Vendo por R$40 com frete grátis (Novo custa R$52 + frete)

Uma nova fase dos materiais oficiais

Como todos os nossos leitores sabem, o Charles, o Jerry e eu somos contra pirataria. Não a endossamos porque os materiais em questão não são confiáveis: apresentam erros, estão constantemente desatualizados ou são incompletos. Além disso, lesa-se o autor que tem tanto trabalho para elaborá-los. Por outro lado, sabemos que os concurseiros, em sua grande maioria, precisam gerir recursos escassos. Nem todo mundo tem como fazer cursinhos.

Para isso, podemos contar com materiais gratuitos. Nós já demos diversas dicas sobre eles, na versão em papel. Agora, vivemos a revolução da tecnologia dentro da esfera pública. Tivemos um boom com o surgimento do canal do STF no youtube e no twitter. Desse modo, podemos ver todos os debates das sessões plenárias da nossa Corte Constitucional.

Presenciamos o surgimento de vídeo-aulas como as que postei na semana passada, no site da ESAF (http://www.esaf.fazenda.gov.br/). Vemos surgir a TV OAB (http://www.oab-rj.org.br/), em que palestras são proferidas em seu sítio. Enfim, não existem mais fronteiras para ver uma aula, inclusive as gratuitas. Agora, morar em um lugar em que não sejam oferecidos cursinhos presenciais não é desculpa para um bom estudo.

Vou dar alguns exemplos de sites muito interessantes que tem essa proposta gratuita:

http://saber-direito.blogspot.com

http://prova-final.blogspot.com

http://www.cursogratuitoparaconcursospublicos.blogspot.com


Vejam bem, nenhum deles esgota os temas. Bem porque a carga horária é pequena, mas representam um grande avanço para nossos estudos, diante das discussões hiper atuais. Os cursos do Saber Direito eu já testei, inclusive o excelente de Direito Civil - parte geral do professor Flavio Tartuce e posso dizer que me acrescentou muito.

As aulas em vídeo são também uma bela alternativa para essa época do ano, em que muitos de nós, estamos cansados de estudar. Mudar é salutar. Adaptar-se a essa época é melhor ainda. Adotar uma técnica diferente de aprendizado significa fugir da monotonia, não permitir que seu ritmo caia para zero. A tarefa fica um pouco mais mais atraente. Afinal, estudar de um só jeito o ano todo cansa até o concurseiro mais sério.

Resumo da Ópera - Viva a revolução digital na Administração Pública! O concurseiro sério e, portanto, antenado, pode agora aproveitar todos os recursos existentes para seu aprendizado e dar um olé no enfado.

Raquel Monteiro é uma legítima concurseira carioca.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»——

Envie uma pergunta para William Douglas
e concorra a um excelente livro para reforçar seus estudos


O que pergunta você faria para William Douglas, o guru dos concurseiros, se fosse entrevistá-lo?

O autor da melhor pergunta ganhará um prêmio surpresa muito legal do blog ... vou dar uma pista do que é, melhor, vou dizer ... um belo livro para estudar para concursos públicos novinho em folha com quase 1.200 páginas e que é o sonho de consumo de qualquer concurseiro sério

Envie sua pergunta para o email concurseirosolitario@gmail.com

———«»———«»———«»———



Ah! Calcanhar de Aquiles


Há momentos em que a vida simplesmente te quer ensinar algumas coisas na marra, ao invés de aprendermos por meio de conversa, conselhos, etc..

Perdi a conta de quantas vezes fui “incomodado” com pessoas dizendo para que eu cuidasse da saúde, para que eu me alimentasse direito, para que eu trabalhasse um pouco menos, e tantos outros bons conselhos.

Só que o super humano que vos fala não ligou para esses apelos mais do que benignos, e pensava consigo: bom, fulano, beltrano e ciclano são tão worklover (amantes do trabalho) como eu e nunca ficam doentes; sendo assim, não tenho com o que me preocupar.

Mas amiguinhos já dizia a boa e velha razão: de grão em grão a galinha enche o papo. O que era somente uma dorzinha de garganta se transformou em uma inflamação que me tirou do jogo por quatro terríveis dias, entre febres de mais de 39º, juntamente com mal estar e dores de garganta infindáveis.

A minha imunidade estava muito baixa, tendo em vista a minha má alimentação, minha carga excessiva de trabalho e os descuidos com relação ao mau tempo (me molhava demais por causa das chuvas).

Depois de retomar a minha capacidade de pensar (acreditem, eu quase não consegui levantar da cama, somente para as necessidades inadiáveis..risos), conclui que isso não ocorrera uma vez no ano, mas pelo menos 4 ou 5 vezes.

Pessoal, para um concurseiro sério isso é MUITO TEMPO PERDIDO. Alguns concurseiros falsos já disseram para mim que tempo de doença é tempo pra descansar e recarregar as baterias. Balela! Você não descansa nada. Ao contrário, até ficar bom e mesmo quando você sara você fica acabado. Parece que acabou de sair de uma guerra. Tempo de descanso é aquele que você tira pra relaxar, se divertir, NÃO PRA FICAR EM CASA, DE MOLHO, TOMANDO REMÉDIO RUIM E ENJOADO DE NÃO FAZER NADA.

Além do mais, sejamos sinceros: no meio daquela doença dura ninguém consegue ter concentração ou energia mesmo para estudar. Não adianta lutar, amigos. Tentei ler um gibi e não consegui chegar nem à segunda página! Somos seres humanos e não máquinas.

Resumo da ópera - Aprendi a minha lição. Vale a pena gastar um tempinho a mais cuidando da saúde, se alimentando direito, dormindo um pouco mais para render mais no total? Vale! E como vale! Eu e esses 4 dias infernais que o digam! Só eles respondem por si só essa pergunta que tanto me assombrava e parecia, até agora, sem resposta! Bons estudos e cuidado com a saúde!

Jerry Lima, um Concurseiro Profissional.

IMPORTANTE - Os textos publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores em termos de opiniões expressadas. Além disso, como não contamos com um revisor(a) de textos, também a correção gramatical e ortográfica é de inteira responsabilidade dos mesmos.

———«»———«»———«»——

Envie uma pergunta para William Douglas
e concorra a um excelente livro para reforçar seus estudos


O que pergunta você faria para William Douglas, o guru dos concurseiros, se fosse entrevistá-lo?

O autor da melhor pergunta ganhará um prêmio surpresa muito legal do blog ... vou dar uma pista do que é, melhor, vou dizer ... um belo livro para estudar para concursos públicos novinho em folha com quase 1.200 páginas e que é o sonho de consumo de qualquer concurseiro sério

Envie sua pergunta para o email concurseirosolitario@gmail.com

———«»———«»———«»———

powered by Blogger | WordPress by Newwpthemes | Converted by BloggerTheme | Blogger Templates | Low Interest Credit Cards